Convocatória ao Encontro Anti-imperialista pela Democracia e contra o Neoliberalismo

Queridos companheiros e companheiras de luta,

Em novembro de 2015, as organizações sociais cubanas, junto a redes e articulações regionais e com a presença de movimentos populares de todo o continente, celebramos em Havana o Encontro Hemisférico «Derrota da ALCA», dez anos depois de nossa vitória. Com esse esforço reconstruímos, como espaço de diálogo permanente, a Jornada Continental pela Democracia e contra o Neoliberalismo, a partir da qual temos compartilhado agendas de luta com eixos em defesa da democracia, da soberania e da integração dos povos, contra o livre comércio e as transnacionais na região.

Dando novos passos nesse caminho e conscientes da necessidade de fortalecer uma agenda unitária e de articulação das forças de esquerda no continente, nós da Jornada Continental pela Democracia e contra o Neoliberalismo e do Capítulo Cubano de Movimentos Sociais abrimos esta convocatória para o “Encontro Anti-imperialista pela Democracia e contra o Neoliberalismo”, que acontecerá em Havana, Cuba, de 01 a 03 de novembro de 2019.

Nestes anos de construção permanente, temos convocado mobilizações em nossos países, criamos documentos-base de caráter político-pedagógico para a militância, organizamos o Encontro Continental pela Democracia e contra o Neoliberalismo em Montevidéu em 2017, onde fortalecemos nossa experiência de convergência de comunicação popular, tivemos amplos e profundos debates e chegamos a um documento final com fortes consensos anti-imperialistas, antipatriarcais e anticolonialistas para enfrentar a etapa que estamos vivendo na região.

Hoje, em nosso continente, se aprofundam as políticas neoliberais de submissão a uma ofensiva de caráter imperialista e oligárquico. O capitalismo destrói nossos povos e territórios através das mais perversas expressões do capital transnacional; se fortalecem os discursos e práticas fundamentalistas e conservadoras contra a dignidade humana; lutas e líderes sociais e políticos são criminalizados; a possibilidade de viver em harmonia com a natureza é destruída. Nesse contexto, precisamos fortalecer nossas alternativas com todos e todas que abraçamos os acúmulos construídos, para assim seguir disputando nosso horizonte de independência e justiça social. Para isso, convocamos esta ida ao Encontro em Havana.

Convidamos os movimentos populares, as redes e plataformas do continente, todas as forças políticas de esquerda a tomar para si esta convocatória, inscrevendo-se e comprometendo-se a colocar seus esforços na mobilização para que nos encontremos novamente em Cuba, em um espaço inclusivo, aberto, diverso, de confiança, diálogo e compromisso político. Teremos debates destinados ao fortalecimento da articulação e da unidade na ação, diante de todos os desafios da aposta emancipatória e antissistêmica dos movimentos sociais e populares.

Façamos deste encontro, com a participação de todos e todas, um momento que demonstre nossas vontades de luta e vitória, que impulsione o enraizamento do processo iniciado na Jornada Continental no interior de nossos países e nas bases de nossas organizações, e permita visibilizar e articular as mais diversas expressões de lutas e resistências existentes.

Para inscrever-se, escreva para: enc.jornada2019@gmail.com

Jornada Continental pela Democracia e contra o Neoliberalismo.
Capítulo Cubano dos Movimentos Sociais

#SeguimosEnLucha#JornadaContinental

Esta entrada fue publicada en Uncategorized y etiquetada , . Guarda el enlace permanente.

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *